OUÇA AGORA:
Três pessoas de Delmiro Gouveia são presas roubando na cidade de Mata Grande

Igor Francisco dos Santos, Valteiton Barbosa da Silva e José Wellington da Silva foram presos pelo GPM de Inhapi e Mata Grande.

Por Ítallo Timóteo | 11 de julho de 2017 às 21:22

Crédito: Ítallo Timóteo – Radar89

 

Três homens que residem em Delmiro Gouveia foram presos na noite desta segunda-feira, 10, roubando na cidade de Mata Grande, no Sertão de Alagoas. Os presos foram identificados como Igor Francisco dos Santos, Valteiton Barbosa da Silva e José Wellington da Silva.

 

A Prisão foi realizada por militares do Grupamento de Inhapi e Mata Grande, os criminosos estavam em um veículo Voyage de cor bege e placa não divulgada. Com os indivíduos foram encontrados celulares, correntes de ouro, relógios e uma quantia em dinheiro e duas selas de cavalos.

 

Os três foram conduzidos para a Delegacia Regional de Polícia (1ª-DRP) de Delmiro Gouveia onde estão presos à disposição da justiça.

 

Além desses roubos, eles são suspeitos de praticarem outros crimes da mesma origem em Delmiro, Água Branca, Inhapi e Pariconha, ocorridos no final de semana.

 

4 pensamentos em “Três pessoas de Delmiro Gouveia são presas roubando na cidade de Mata Grande”

  1. gracas a deus esses vagabundo roubaram aqui um som celular dinheiro de um amigo meu aqui em sinimbu agora estao lascado seus otarios e uma pena que a policia nao matou

  2. A pessoa rouba objetos que acho que não chega a 1.000,00 fica preso e se condenado pode passar 8 anos isolado da sociedade e se for pagar fiança pode ser entre 4 mil ou mais. Aí vem a pergunta a esses que não conhecem a Deus: Vale à pena se sujar por objetos roubados sabendo que o crime vai ser descoberto,?Porque não existe crime perfeito!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ENQUETE
  • O que você achou da programação do Festival de Inverno de Água Branca

    Carregando ... Carregando ...
  • Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.