Ouça o Programa Radar - Seg. a Sex. das 12h às 15h:
Bispo Dom Dulcênio é transferido de Alagoas para Campina Grande na Paraíba

Depois de 11 anos, Papa Francisco ordenou que ele fosse transferido para Campina Grande (PB).

Por Ítallo Timóteo com informações da Rádio Vaticana | 11 de outubro de 2017 às 9:03

 

O Papa Francisco determinou a saída do Bispo Dom Dulcênio da Diocese de Palmeira dos Índios em Alagoas, Dom Dulcênio agora ele será Bispo da Diocese de Campina Grande na Paraíba.

 

Dom Dulcênio nasceu em 19 de outubro de 1958, em Lagarto, Diocese de Estância (SE). Após completar os estudos preparatórios em sua cidade natal, estudou Filosofia no Seminário Maior de Nossa Senhora de Fátima (1980-1982), em Brasília, e Teologia na Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1983-1985), como aluno do Seminário Arquidiocesano São José. Formou-se em Filosofia na Universidade Estadual do Vale do Acaraú, Fortaleza (1994-1995), e em Direito Canônico no Instituto de Direito Canônico do Rio de Janeiro.

 

Foi ordenado sacerdote em 14 de dezembro de 1985, incardinando-se na Diocese de Estância. Como sacerdote desempenhou as seguintes funções: vice-pároco em Lagarto (1986-1987), pároco (1987-1992), em Umbaúba (SE), pároco da catedral, membro do Conselho Presbiteral e do Colégio de Consultores, professor de Teologia e coordenador Diocesano de Pastoral (1992-2001).

 

Foi nomeado Bispo auxiliar de Aracajú (SE), em 18 de abril de 2001. Recebeu a ordenação episcopal em 16 de junho do mesmo ano. Em 12 de julho de 2006, foi nomeado Bispo de Palmeira dos Índios.

prefeitura delmiro
EVENTOS
    • Nenhum evento
  • ENQUETE
  • Você acha que as festas que acontecem no mês de outubro irão aquecer o comércio do município?

    Carregando ... Carregando ...
  • INSTAGRAM
    Radar89 © 2014 - 2017 Todos os direitos reservados.